Ivane Fávero assume a presidência da Aenotur

Ivane Fávero assume a presidência da Aenotur. A ex-secretária de Turismo e Cultura de Garibaldi, Ivane Fávero, foi eleita a nova presidente da Associação Internacional de Enoturismo (Aenotur). Representando o Instituto Brasileiro do Vinho (Ibravin), Ivane assume por dois anos a entidade que tem como grande objetivo fornecer ao segmento uma estrutura estratégica internacional para homogeneizar o turismo do vinho em todo o mundo.

Ivane ocupava a vice-presidência para a América Latina da entidade e passa a ocupar o mais alto cargo do enoturismo mundial. Há muito tempo, inclusive enquanto atuou na Secretaria de Turismo e Cultura de Garibaldi, Ivane defende a bandeira do enoturismo como um dos principais segmentos do turismo do Rio Grande do Sul. Agora, ao lado de Portugal, França, Itália, Argentina e Espanha reforça que há muito trabalho pela frente. “O objetivo principal da criação da Aenotur é termos uma plataforma única para divulgar esses destinos e o Brasil está inserido neste contexto”, adianta Ivane.

Ao Ibravin, Ivane lembra que a entidade surgiu em 2014 como resultado do Congresso Latino Americano de Enoturismo, após reuniões com representantes de Portugal e Espanha. “O fato do Brasil estar na presidência da Aenotur nos coloca definitivamente no mapa do enoturismo mundial. Podemos dizer que já somos referência de qualidade na oferta enoturística mundial”, afirma. A nova presidente informa que entre os principais objetivos é qualificar cada vez mais os produtos enoturísticos e ampliar o número de associados. “Me sinto honrada, agradecida pela escolha de todos os membros associados na assembleia, mas também sinto a responsabilidade deste cargo perante o Brasil e os principais destinos enoturísticos do mundo. Precisamos fortalecer cada vez mais este importante segmento que tanto contribui com o desenvolvimento territorial”, acrescenta.

Para o diretor de Relações Institucionais do Ibravin, Carlos Paviani, é uma grande oportunidade de alavancarmos ainda mais o enoturismo no Brasil. “De acordo com o último Censo Vinícola realizado no país, menos de 30% das vinícolas tem projetos relacionados à atividade. O Ibravin acredita que investir no setor é agregar valor à produção, atrair novos consumidores e fortalecer toda a cadeia produtiva vitivinícola”, define.

O atual secretário de Turismo de Garibaldi, Paulo Salvi, reforça a importância e a alegria da eleição. “É com imenso orgulho que recebemos esta notícia, pois a Ivane tem defendido está bandeira do enoturismo como a mais promissora fonte de novos destinos e de grande valor agregado, além de divulgar as culturas locais. Sempre é bom ter alguém que se identifica conosco e que possa fazer esta ponte internacional, articulando políticas e experiências”, reforça.

A nova diretoria da Aenotur é formada também pelo presidente da Rede Europeia de Cidades do Vinho (Recevin), José Calixto, na vice-presidência, e pelo representante da Associação dos Municípios Portugueses do Vinho (AMPV), Jose Arruda, como secretário geral.  Também integram a diretoria as prefeitas das cidades espanholas de Alcázar de San Juan e Cambados, Rosa Melchor e Fátima Abal, respectivamente, o presidente da Iter Vitis France, Pierre Verdier, o prefeito da cidade portuguesa de Viana do Castelo, José Maria Costa e o presidente de honra da Città Del Vino, Paolo Benvenutti. Gonzalo Merino, dirigente da Bodegas Argentinas, e Wilson Torres Chavez, presidente da Associação de Turismo Enológico do Uruguai representam a América Latina na Aenotur. Mais informações sobre a Aenotur na página da Associação: www.aenotur.org.

Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *